icone-quadril.png

QUADRIL

QUADRIL-LUCAS-DAMICO.jpg

A articulação do nosso quadril é responsável por unir o tronco aos membros inferiores, sustentando o peso da parte superior do corpo e permitindo o movimento das pernas. 

 

É formado por ossos, músculos, tendões, labrum, ligamentos, nervos, vasos e a cartilagem articular. 

 

Uma série de doenças e alterações podem atingir o nosso quadril.

É essencial iniciar o tratamento o mais rápido possível para evitar que o quadro se agrave e exija intervenções médicas mais intensas.

Conheça três sinais do dia a dia para procurar ajuda de um especialista, eles podem indicar a presença de artrose na articulação, bursite, lesão de labrum ou impacto femoroacetabular:

1 - Dificuldade para calçar os sapatos;

2 - Dor no quadril ao cruzar a perna, dirigir ou dormir de lado;

3 - Sensação de ruído na articulação;

QUADRIL DO ESPORTISTA - Existem algumas alterações que afetam o quadril que são diretamente ligadas à prática esportiva, com traumas e lesões por sobrecarga.

 

Além disso, alterações anatômicas ósseas da infância e adolescência são fatores de risco para o desenvolvimento do desgaste do quadril na vida adulta, prejudicando a prática de esporte e vida social de pacientes jovens.

Para esses casos é indicado o tratamento preventivo, com o objetivo de preservar a articulação e evitar ou retardar casos de artrose. 

Para o tratamento adequado de qualquer alteração que afete o seu quadril procure sempre um ortopedista especialista.